Expressão muito alentejana que significa "basta" ou "já chega". Espaço de liberdade. Galeria de arte pública.

.Ultimamente...

. Se quiserem...

. O verdadeiro amigo está s...

. Onde pára esta sangria?

. Pequim(ninos)

. No fundo, no fundo...

.Sótão

Terça-feira, 22 de Junho de 2004

A COUVE FLOR E A ROSA

"Um dia, a rosa encontrou a couve-flor e disse:



- Que petulância se chamar de flor! Veja sua pele áspera e
a minha, lisa e sedosa. Veja seu cheiro desagradável e
meu perfume, sensual e envolvente. Veja seu corpo
grosseiro e o meu, delgado e elegante... Eu, sim, sou uma flor!



E a couve-flor respondeu:
- "É... mas a ti ninguém te come..."

publicado por Andre às 20:15
link do post | comentar | favorito

.Andrei

.Busca!

 

.Compadres

.Visitantes

free counter