Expressão muito alentejana que significa "basta" ou "já chega". Espaço de liberdade. Galeria de arte pública.

.Ultimamente...

. Se quiserem...

. O verdadeiro amigo está s...

. Onde pára esta sangria?

. Pequim(ninos)

. No fundo, no fundo...

.Sótão

Domingo, 25 de Julho de 2004

Eu te agradeço

vo1.jpg
Ensinaste-me que a verdadeira sabedoria não vem nos livros. Ensinaste-me a humildade (embora eu por vezes não seja bom aluno...) e a sinceridade. Ensinaste-me a respeitar a natureza e o que ela nos pode dar (e tirar). Foste sempre um exemplo para mim e nunca pensaste sequer que o poderias ser. O teu amor foi sempre incondicional, sem exigências e genuíno. Amaste-me de uma forma pura e tenho receio de não te ter amado como tu mereceste sempre. Hoje recordámos-te e todos, sem trocarmos uma palavra, lembrámos tudo o que nos deixaste...no nosso coração.
publicado por Andre às 16:23
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Anónimo a 26 de Julho de 2004 às 14:24
Bonito.
Tocou-me a maneira como transmite
o amor na sua forma mais genuína.

Obrigado por compartilhar connosco
estas linhas de escrita maravilhosa.

luis
(http://www.tudoben.com)
(mailto:luisdamiao@tudoben.com)

Comentar post

.Andrei

.Busca!

 

.Compadres

.Visitantes

free counter