Expressão muito alentejana que significa "basta" ou "já chega". Espaço de liberdade. Galeria de arte pública.

.Ultimamente...

. Se quiserem...

. O verdadeiro amigo está s...

. Onde pára esta sangria?

. Pequim(ninos)

. No fundo, no fundo...

.Sótão

Terça-feira, 18 de Outubro de 2005

Estado da Justiça

escultura222.jpg



Um promessa é uma promessa e não havendo hora certa para a cumprir, é então, a estas horas que me é possível consumar o dito compromisso. Porque é um assunto de alguma complexidade, não vou alargar a introdução sobre ele, gozo do direito de não falar, reservo-me portanto para comentários a acrescentar.







Muito se tem falado do estado da Justiça nos últimos tempos. Talvez tal discussão tenha sido impulsionada pelos casos mediáticos vindos a publico a pretexto do dever de informação, mas na realidade mais não são do que percentagens de audiências...e quanto mais escabroso for o assunto melhor...mais audiências.




Verdade é que Juizes, Magistrados, Advogados e cidadão comum estão descontentes com o andamento (ou falta dele) da nossa justiça.Mas lá diz o velho ditado “em casa que não há pão, todos ralham e ninguém tem razão”.




Serão os operadores judiciários os principais causadores da demora na justiça?
Poderá antes acusar-se a burocracia em excesso de que padece a nossa tramitação processual?Terá o cidadão anónimo a sua quota parte de culpa, pelo uso excessivo à justiça, ou antes é o litígio de massas que entope os tribunais?
Facto inegável é que a justiça não funciona!!!!





Outro aspecto da nossa justiça que aflige são as prisões. Em primeiro lugar a lotação das mesmas. Os últimos dados disponíveis são relativos a 2003 e dizem que para uma lotação global de 12 109 “vagas” existiam em 31 de Dezembro 13 835 reclusos. Claramente superlotadas, qual será o papel dos estabelecimentos prisionais hoje? Será realmente alcançado o fim ultimo da ressocialização ou pelo contrário consistirá a estadia numa prisão num verdadeiro Mestrado/ Doutoramento em Banditismo?





Que futuro espera cá fora um recluso, passados 15 anos? Que atitude deve assumir a sociedade perante ele? De integração, de medo, de desconfiança? E se estiverem em causa crimes sexuais? Deverá a comunidade ser avisada da existencia de um predador sexual nas imediações de sua casa?

publicado por Andre às 01:48
link do post | comentar | favorito
202 comentários:
De Anónimo a 8 de Novembro de 2005 às 18:48
Atão mas isto não anda?anjocaido
</a>
(mailto:)
De Anónimo a 8 de Novembro de 2005 às 02:30
"Aconteceu
(Péricles Cavalcanti)

Aconteceu quando a gente não esperava
Aconteceu sem um sino pra tocar
Aconteceu diferente das histórias
Que os romances e a memória
Têm costume de contar
Aconteceu sem que o chão tivesse estrelas
Aconteceu sem um raio de luar
O nosso amor foi chegando de mansinho
Se espalhou devagarinho
Foi ficando até ficar
Aconteceu sem que o mundo agradecesse
Sem que rosas florescessem
Sem um canto de louvor
Aconteceu sem que houvesse nenhum drama
Só o tempo fez a cama
Como em todo grande amor"

Colaboração: Raquel Nava


</a>
(mailto:)
De Anónimo a 8 de Novembro de 2005 às 02:23
Tanta coisa boa para colocares aqui... e nada... parece quase má vontade. Então? Queres ajuda? Vá lá... dá-nos qualquer coisa... nem que seja pequenina, assim como uma estrelinha. Qualquer coisa que brilhe e nos faça sentir... o que seja! Tenho saudades das nossas conversas...Cláudia
</a>
(mailto:)
De Anónimo a 3 de Novembro de 2005 às 17:37
"A palavras loucas... orelhas moucas." Não sei se valerá a pena perdermos tempo a ler determinadas coisas... já todos sabemos que há pessoas assim, que pensam assim, que escrevem assim e falam assim... e estão por todo o lado. Não podemos, nem sequer devemos, querer mudá-los. É mais uma oportunidade para ir conquistando a tal paciência de que falávamos há dias. BeijocasCláudia
</a>
(mailto:)
De Anónimo a 3 de Novembro de 2005 às 09:36
Bom dia Claudia, ja tava com saudades… Afinal mais vale deixar voar a nossa imaginação do que comentar certos temas bem pesados. Vou lendo certas coisas e fico a pensar, para quê nos queixarmos do estado da justiça, se vemos gente, que se deve de servir essa mesma justiça, de ser um exemplo dela, se comportar como se comporta ? Um bom dia para todos...Jinho Claudia.Porta_chaves
</a>
(mailto:)
De Anónimo a 3 de Novembro de 2005 às 09:23
ja tens o recado no embirrices!papa_anjos
</a>
(mailto:)
De Anónimo a 3 de Novembro de 2005 às 01:01
Luiiiiiiiis! Então...? estamos à tua espera... vai ter que ser uma coisa mesmo muito boa... Beijos para ti e para os restantes pessoais... Gostei da formiguinha, mas não tenho tido muito tempo para me dedicar a estas viagens pelos mundos virtuais.Cláudia
</a>
(mailto:)
De Anónimo a 2 de Novembro de 2005 às 20:07
Ó papinhas olha que tens recados no embirrices, vai lá ver!anjocaido
</a>
(mailto:)
De Anónimo a 2 de Novembro de 2005 às 19:26
o http://embirrices.blogs.sapo.pt/ ta a bombar nha nha nha nha!!!! e isto aqui tá uma seca!Borboleta Maravilhosa
</a>
(mailto:)
De Anónimo a 2 de Novembro de 2005 às 12:06
Que pena! Isto tava tao animado pa! pffffffffff boa tarde a quem por ca passar...Porta_chaves
</a>
(mailto:)

Comentar post